#PraCegoVer: 17 pessoas numa sala com carpete cinza e uma mesa de madeira escura. Uma delas é cadeirante e outras três seguram a bandeira LGBT, com as cores do arco-íris. Atrás deles, há uma janela. São presidentes e executivos de empresas signatárias do Fórum de Empresas e Direitos LGBT+.

Aconteceu no dia 20 de março a 3ª Reunião do Comitê de Presidentes signatários do Fórum de Empresas e Direitos LGBT+. O evento teve como anfitriã a Uber, em São Paulo, reunindo presidentes de 9 empresas signatárias: Ezra Geld (J.W. Thompson), Fabio Maceira (JLL), Fabio Oliveira (AIG), Guilherme Ramalho (Metrô Rio), José Eduardo Carneiro (Mattos Filho), Mônica Sanches (MCM) e Theo van der Loo (Bayer). O presidente da Uber, Gui Telles, e o presidente da Phillip Morris, Wagner Erne, também participaram.

O Movimento Mulher 360º foi a organização especialmente convidada por meio de sua Gestora Executiva, Margareth Goldenberg. Clovis Casemiro, da IGLTA (parceiros do Fórum) foi outro convidado especial. Pelas instâncias de governança do Fórum estavam Eliane Pelegrini (Conselho Consultivo), Thays Toyofuku (JLL e Comitê Gestor), Aline Cintra (Monsanto e Comitê Gestor), Reinaldo Bulgarelli e JP Polo (Secretaria Executiva).

Na primeira parte da reunião, a Uber apresentou sua visão sobre o tema e suas ações. A seguir, Reinaldo Bulgarelli coordenou o diálogo em torno das ações realizadas em 2017, a situação atual do Fórum e o Plano de Ação para 2018. Reinaldo abriu a reunião homenageando a vereadora Marielle Franco, assassinada no último dia 14 de março, lembrando que o Fórum, como organização pelos direitos humanos de pessoas LGBT+, deve estar atento à violência que vitima seus defensores.

Sobre o Plano de Ação, as duas principais ações do ano são os eventos abertos do Fórum, tradição desde 2013 e que tem reunido um grupo grande de empresas, organizações governamentais, não governamentais, ativistas, especialistas, consultores, com convidados especiais e seus painéis com executivos das empresas. O 14º Fórum está previsto para maio e o 15º para outubro.

Com apoio das patrocinadoras, serão realizados workshops sobre HIV/Aids, empregabilidade de travestis e transexuais, investimento social e voluntariado, fornecedores, atração de talentos e R&S, questões jurídicas, comunicação interna, negócios e grupos de afinidade. A ideia é aprofundar questões, compartilhar experiências e criar referências nos temas para as empresas signatárias e o meio empresarial em geral.

Mais instâncias de governança serão criadas em 2018, como Comitês de Executivos e Grupos de Trabalho, ampliando a participação de lideranças e profissionais das empresas signatárias nas atividades do Fórum, o que tem trazido melhores resultados para os temas abordados e um número maior de empresas engajadas e compartilhando suas boas práticas.

Com a revisão do Regimento Interno, o Comitê de Presidentes, que são os signatários da Carta de Adesão em nome das empresas, passa a ter papel central na liderança do Fórum. Por isso mesmo, irão definir uma coordenação, deliberar sobre pautas das reuniões e aprofundar questões internas ou que exijam posicionamento do Fórum no ambiente empresarial e na sociedade.

Com cinco anos de existência e atingindo 50 empresas signatárias no dia da reunião do Comitê de Presidentes, o Fórum tem demonstrado que suas estratégias fundamentais estão produzindo bons resultados: a Carta com 10 Compromissos; o foco em grandes empresas para que influenciem suas cadeias de valor; o sistema de governança; a definição de uma Secretaria Executiva; a realização anual de levantamento sobre a situação dos 10 Compromissos junto às signatárias; o compromisso com direitos humanos, negócios sustentáveis e valorização da diversidade, abordando a questão LGBT+ juntamente com a questão da mulher, do negro e da pessoa com deficiência, entre outras.

A grande novidade foi a apresentação da nova identidade visual do Fórum, produzida pela MCM. Ela traz o novo nome do Fórum com a escolha pelo termo LGBT+. Também foram apresentadas as mudanças já realizadas no site do Fórum, na página no Facebook e, em breve, a presença do Fórum no LinkedIn, fortalecendo a presença das empresas como marca empregadora para as pessoas LGBT+.

As empresas signatárias, aliados, parceiros e apoiadores do Fórum estão recebendo, após a reunião do Comitê de Presidentes, o Resumo Executivo do Plano de Ação 2018 e o novo Regimento Interno que substitui o aprovado em 2015. Teremos grandes momentos para todos que estão engajados no Fórum em 2018. Participe!

Publicado em: 22/03/18

 

SiteLock

Acessibilidade